Como escrever cenas de sexo

A Thati me pediu dicas de como escrever cenas de sexo. Como ainda não tive oportunidade de escrever uma cena dessas em um dos meus projetos comecei a vasculhar a net e achei essa ótima dica no site de Júlio Rocha, autor do livro Teia Negra. Vale a pena conferir.

Como Escrever Cenas de Sexo

Se você pensa que vou explicar como escrever uma cena de um filme pornô, pode esquecer. O objetivo desta dica é apresentar os fundamentos para uma boa cena de sexo que se encaixe em um romance, mistério, policial, drama, terror, fantasia, etc. Repare que usei a palavra “encaixar” e este é o ponto fundamental a ser considerado quando você decide inserir uma relação sexual no meio do seu texto. A cena deve, obrigatoriamente, acrescentar alguma coisa à trama, seja um novo elemento que ajude a esclarecer um mistério ou uma característica de um personagem que, até então, não havia se manifestado. O importante aqui é que ela faça parte do todo e não seja apenas um relato pornográfico gratuito, sem qualquer função no desenrolar da história. O que você quer, na maioria das vezes, é uma cena de amor com conteúdo sexual e não o ato sexual puro e simples.

Normalmente, uma cena de sexo serve para mostrar:

– Aquisição: como a conquista de um novo amor.

– Retenção: o momento em que o casal reforça seus laços e a união fica ainda mais forte na trama.

– Perda: um adeus, uma despedida desejada ou não.

A cena pode, e deve, mostrar a intimidade entre os personagens, assim como usar elementos como o fingimento ou insatisfação para estabelecer o clima da relação como um todo.

Para ajudá-lo a decidir como a cena deve ser escrita, vou deixar algumas perguntas para reflexão:

– Qual o real objetivo da cena?

– Que tipo de conflito ou harmonia entre os personagens você deseja mostrar?

– Quão explícita deve ser a cena?

– Qual será a influência desta cena nos capítulos seguintes?

Lembre-se que, como na vida real, nem sempre uma relação sexual é perfeita. Pode acontecer de um dos parceiros falhar, o ato ser interrompido por algum fator externo ou um dos dois pode se arrepender e desistir. Não esqueça do ambiente. Um dos personagens pode estar “desligado” do momento, por estar preocupado que o bebê comece a chorar. Um quadro com a foto do pai da moça pode deixar o rapaz incapaz de seguir adiante e por aí vai.

Aqui valem as mesmas regras de “Como escrever lutas e combates”: é preciso estabelecer claramente qual é o personagem que detém o ponto de vista (POV – vide dicas anteriores sobre o assunto) e mostrar a cena através deste personagem. O que o personagem está vendo, sentindo, pensando? Se você se colocar no lugar deste personagem, ficará muito mais fácil escrever a cena.

Cuidado com o tom da cena. Você deve definir antes, se a cena será engraçada, séria, romântica ou erótica e usar as palavras adequadas. Compare duas versões de um mesmo trecho de cena e entenda o que quero dizer:

Versão 1:

Clarisse sentiu o corpo estremecer quando Lauro tocou seus seios, enquanto a beijava suavemente. Ela só conseguia pensar o quão feliz seria sua vida dali para frente. Agora que havia conquistado o homem da sua vida, nada mais importava. Ele começou a desabotoar sua blusa e ela soltou um suspiro quando aquela mão quente e forte apertou suavemente seu seio esquerdo…

Versão 2:

Clarisse quase teve um treco quando Lauro meteu a mão em seus peitos, enquanto tacava-lhe um baita beijo na boca. Ela só conseguia pensar na idiota da Sheila, que deixara escapar um pedaço de homem daquele. Ele começou a arrancar sua blusa e ela quase gozou quando aquela baita mão quente e forte espremeu seu seio…

Diálogos durante cenas de sexo são importantes para dar vida e realismo, mas atenção: eles devem ser interessantes e não apenas “Eu te amo… eu te amo…”.

Evite interromper uma seqüência de cenas de ação com uma cena de sexo. Isso pode levar seu leitor a ficar se perguntando: “Quem é esse cara que tem tempo para namorar enquanto está sendo perseguido por bandidos?” Em alguns casos, é melhor deixar registrado para o leitor que uma cena de sexo aconteceu, do que descrever a cena em detalhes. Fiz isso em Teia Negra e funcionou muito bem.

20 pensamentos sobre “Como escrever cenas de sexo

  1. Pingback: Novidade: Sorteio de livro « FENIX RESURRECTED'S BLOG

  2. Pingback: Sorteio de livro « FENIX RESURRECTED'S BLOG

  3. Pingback: Não esqueçam do sorteio do livro « FENIX RESURRECTED'S BLOG

    • Olá João,
      Você não deve ter reparado que nesse texto a referencia para o artigo original no site do autor Julio Rocha se encontra bem no inicio do post.

  4. Pingback: Os números de 2010 « FENIX RESURRECTED'S BLOG

  5. Oi tudo bem? Eu adorei tudo que voce colocou, mas ainda estou com uma baita duvida. Eu estou fazendo uma historia, em que a personagem narra, a cena que quero fazer essa seria a primeira vez deles juntos, e dela tambem, a historia que estou é super romantica, ou seja quero fazer ela meiga, romantica essas coisas, e a cena acontece espontaneamente, acaba rolando entende? Ele é o homem da vida dela, e ela tambem é pra ela. Não imaginavam que iam fazer amor, como eu tinha dito antes, aconteceu e ela se entregou a ele. Vai acontecer em um dia de chuva, em um lugar que eles pararam pra se esconder de um cara ai, e eles ja vao estar juntos um pequeno tempo apenas. É mais um amor proibido entende. E precisaria da sua ajuda, nao sei como escrever a cena. Se puder me ajudar, fiquei agradecida. Beijos amei o artigo 🙂

    • Hey Darah, que bom que gostou do blog! Estou pensando bastante nessa cena que vc descreveu. Isso vai ser em primeira pessoa? Esse é um assunto delicado. Andei dando uma pesquisada e encontrei umas coisas legais no site suite101. Eis o que achei: uma cena de romance é como qualquer outra cena, precisa levar a trama adiante, tem que desenvolver o personagem ou dar ao leitor mais insight sobre a narrativa. Com isso em mente vc deve também levar em conta que uma cena de sexo é diferente de uma cena romantica em que duas pessoas que se amam fazem amor pela primeira vez. A cena de sexo tem mais a ver com eroticismo ao passo que a cena romântica tem tanto componentes fisicos quanto psicológicos. O que os personagens estão pensando e sentindo tem tanta importância quanto o que eles estão fazendo. Existem várias técnicas que podem ser usadas pra escrever esse tipo de cena.
      Fade to black: é um termo do cinema. significa que a imagem escurece gadativamente. Na escrita essa técnica pode se dividir em dois tipos. Ou o autor nunca deixa explicito que os personagens dormiram juntos ou a cena do romance acaba com uma nota sugestiva de que eles dormiram juntos. De qualquer forma esse tipo de cena nunca mostra os detalhes do ato e ao invés disso junta os personagens após o ato.
      Gloss over: nessa técnica (muito parecida com o fade to black) o ato sexual é passado por alto. Não ha detalhes da coisa em sí e tudo é resumido em poucas frases.
      Misdirection: significa levar a outra direção. Nessa técnica vc foca sua escrita aos aspectos emocionais e psicológicos da cena romântica ao invés de focar no ato sexual. Tem que tomar cuidado para não exagerar nas metáforas pesadas e extravagantes e acabar perdendo o significado.
      Graphic: Esse é cheio de detalhes picantes e altamente gráficos. As cenas altamente gráficas, em que tudo é muito explicadinho nos mínimos detalhes é reservado para erótica e romances adultos. Vc precisa levar em consideração o tipo de história está escrevendo e escolher a melhor técnica para sua história. Uma dica boa é ler romances e identificar as técnicas usadas nas cenas antes de escrever a sua. Bem, acho que é só. Se quiser conversar mais sobre isso me adiciona no messenger: fenixresurrected@hotmail.com
      Espero que tenha ajudado.
      Bjus da Barts.

      • Era exatamente esse tipo de cena em primeira pessoa que eu estava procurando, eu acho um pouco mais difícil descrever quando quem narra é o parceiro, mas essa dica ajudou bastante. Obrigado.

  6. Olá Barts! Nossa me ajudou bastante o que voce colocou, em primeiro queria agradecer a sua ajuda, eu ate dei um grito quando vi que voce me respondeu (uahsuahsasas). Agora tenho uma base de tudo pra fazer a cena, com certeza eu vou opinar pelo “Misdirection”, olhe esse video, é um cena da novela “araguaia”, http://www.youtube.com/watch?v=lAdmVbtmfaI. Eu fiquei imprecionada com a intensidade da cena, tem pegada nela, mas tambem acho que tem amor junto, logico que nao vai ser do mesmo tipo nem nada, so quero que seja uma cena romantica e ao mesmo tempo “selvagem” entende? Que o Jack ( o personagem da historia), tenha pegada, e queria colocar como ela estava sentindo na hora, que ela explique que nao conseguiu resistir a ele. Se puder ver o video, me fale o que achou, me da umas dicas pra como devo colocar, o enrredo da hitoria é um inverso do que esta no video, voce vai entender, quem se entrega nao é ele mais sim ela. Muito obrigada pela sua atenção, de verdade, me ajudou bastante! Um beijo, e eu ja te adicionei no msn 😉 Obrigada..

  7. Olá Barts! Nossa me ajudou bastante o que voce colocou, em primeiro queria agradecer a sua ajuda, eu ate dei um grito quando vi que voce me respondeu (uahsuahsasas). Agora tenho uma base de tudo pra fazer a cena, com certeza eu vou opinar pelo “Misdirection”, olhe esse video, é um cena da novela “araguaia”, http://www.youtube.com/watch?v=lAdmVbtmfaI. Eu fiquei imprecionada com a intensidade da cena, tem pegada nela, mas tambem acho que tem amor junto, logico que nao vai ser do mesmo tipo nem nada, so quero que seja uma cena romantica e ao mesmo tempo “selvagem” entende? Que o Jack ( o personagem da historia), tenha pegada, e queria colocar como ela estava sentindo na hora, que ela explique que nao conseguiu resistir a ele. Se puder ver o video, me fale o que achou, me da umas dicas pra como devo colocar, o enrredo da hitoria é um inverso do que esta no video, voce vai entender, quem se entrega nao é ele mais sim ela. Muito obrigada pela sua atenção, de verdade, me ajudou bastante! Um beijo, e eu ja te adicionei no msn Obrigada..

  8. Interessante essa abordagem… Escrevo há mais de 10 anos e nunca havia parado para pensar nessa análise toda de cenas de sexo – com direito a classificações. Gosto de misturar histórias de aventura com bastante erotismo, porque acho que ele dá uma “pimenta” a mais na história. Sou do tipo “meio termo” nessa narrativa. Não gosto muito de narrativas enfeitadas, com muitas metáforas, mas ao mesmo tempo, ela tem que ter uma certa dignidade, porque sexo e pornografia não são necessariamente a mesma coisa. Uma cena romântica pode ser romântica sem deixar de ser picante. O que os personagens fazem pode ter sim um “quê” de devassidão, contando que tenham envolvimento e acima de tudo química. Há que se ter preparado suficientemente o ambiente para que isso aconteça e que se tenha um objetivo na história. Eu geralmente gosto de colocar essas cenas pra fortalecer a relação do casal principal, de forma a mostrar um desenvolvimento na relação. E nada melhor que o sexo para isso. Gostei muito das narrativas da Norah Roberts com relação a isso, embora ainda ache que ela enfeita demais. Vai ver não sou romântica o suficiente…

  9. eu tenho que escrever uma cena hot pra publicar em meu blog daqui a dois dias e eu nao tinha ideia de como escrever por que,alem de ser virgem,beijei apenas algumas vezes em minha vida,nada de amassos quentes,nem nada,apenas selinhos mesmo e essas dicas me ajudaram muito,obrigada!bjs

    • Poxa Thalya, que bom que o texto te deu uma luz pra escrever essa cena hot que tanto precisava. Fico feliz em ter ajudado. Volte sempre. Bjus Barts.

    • O artifício que uso quando estou numa situação assim é sentar de olhos fechados e imaginar o que seria romântico e delicado para mim, especialmente porque é muito fácil acabarmos caindo nos famosos clichés e isso soa tão artificial, então não adianta forçar. Ainda mais que toda essa questão de sentimentos é muito subjetiva e o que pode ser romântico para mim para outros pode ser o auge da breguiçe. Então é melhor confiar em seus sentimentos e ser fiel a eles. Pergunte-se a si mesma o que seria romântico e delicado. Um tradicional jantar a luz de velas seguido de carícias ou uma caminhada numa praia deserta apreciando o pôr do sol (nossa, essas ideias que joguei são super batidas!) tente pensar em algo completamente diferente das ideias que acabei de colocar!!! Não estou nem um pouco romântica hoje, não consigo ter ideias românticas e delicadas. Mas nada de jantar a luz de velas ou praias desertas, senão a cena vai ser um fiasco! kkkkk, espero ter dado uma luz. Se quiser conversar mais me adiciona no facebook, lá estou com meu nome mesmo: bartyra galvao. Bjus

  10. È que eu nunca em nenhuma das minhas ( poucas ) cronicas narrei uma cena de sexo e eu estava preocupada em escrever algo muito pornografico ( não é oque eu busco) então eu tenho uma questão: como narrar uma preliminar ?
    Eu agradeço demaais caso a senhora
    possa me explicar . Grata

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s