A VILA

É o que estou trabalhando agora. Adoro ficção, fantasy e sou cristã, então decidi escrever algo dentro dessas linhas.
Eis o sumário do livro:

Três amigas vão passar o feriado de carnaval em uma vila de pescadores. Lá, uma delas tem uma experiência sobrenatural que confronta seu modo de viver. Ela tenta esquecer o fato, mas uma série de pesadelos a levam de volta ao mundo onírico onde a cada instante ela se vê mais envolvida com o pecado que habita em seu coração. Com a ajuda de um velho pescador ela toma a decisão de aceitar a Cristo como seu único Senhor e Salvador, é arrebatada por anjos que a levam até ao céu, tem um encontro com o próprio Jesus e é convocada para uma grande batalha contra as forças do mal

Obs: vale ressaltar que este sumário está sujeito a mudanças á qualquer momento.

5 pensamentos sobre “A VILA

  1. Amei o sumário e tenho certeza que também vou amar o livro, assim que você terminar me avise por favor.
    Beijos e obrigada…

    Tatiana Patriota

  2. A sinopse é interessante. Porém, você “tomou partido” de sua crença religiosa de uma maneira contundente demais. Corre o risco de afastar imediatamente o leitor que não está sintonizado com ela, por fazer um evento básico de sua trama cair imediatamente (aos olhos do leitor) em descrédito.
    Porém, se você está pretendendo escrever direcionada para o chamado “público cativo”, ou seja, aqueles que professam a mesma crença que você, está no caminho certo. Boa sorte!

  3. Parece que a história vai ser legal. Cheia de aventura como eu gosto.
    Mas como leitor, minha cara amiga Fenix. Tenho que concordar com o meu amigo Flávio.
    Tirando essa questão religioza, a história parece bastante envouvente.;)

    • Bem, acho que todos vocês vão ficar pegando no meu pé por conta disso, mas entendam, esse é o meu primeiro projeto e eu não nego que ficou um tanto carregado. Pensei até em desistir e dar continuidade aos outros projetos que iniciei, mas vocês leitores vivem dizendo que devo ir até o fim. Assim vocês me deixam confusa! Decidi então ir até o fim com essa historia. Até porque dizem que antes de qualquer escritor conseguir ser publicado ele tem que escrever uma média de um milhão de palavras (não me perguntem de onde tiraram essa estatística, eu apenas a ouvi isso em algum lugar!). Dessa forma imagino que se o livro A Vila não ficar bom o suficiente para ser publicado, pelo menos contará como treino. Afinal, só se aprende a escrever, escrevendo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s